segunda-feira, 28 de janeiro de 2008

AMOR


Entre sem bater...
A chave está na porta!
Entre...
Invada este coração,
percorra seus labirintos,
desvende os seus
segredos,e amenize
os medos.
Medo este de se ferir.
Entre...
Ocupe os espaços
vazios,e abra todas
as janelas para a felicidade.
Mas se não puder ficar...
Não deixe cicatrizes no
lugar.Saia de mansinho,
sem machucar,e deixe a
chave no lugar!

segunda-feira, 14 de janeiro de 2008

HOMEM & MULHER





O homem é a mais elevada das criaturas.

A mulher é o mais sublime dos ideais.

Deus fez para o homem um trono;

Para a mulher um altar.

O trono exalta; o altar santifica.

O homem é o cérebro; a mulher o coração, o amor.

A luz fecunda; o amor ressuscita.

O homem é o gênio; a mulher o anjo.

O gênio é imensurável; o anjo indefinível.

A aspiração do homem é a suprema glória;

A aspiração da mulher, a virtude extrema.

A glória traduz grandeza; a virtude traduz divindade.

O homem tem a supremacia; a mulher a preferência.

A supremacia representa força

A preferência representa o direito.

O homem é forte pela razão; a mulher invencível pelas lágrimas.

A razão convence; a lágrima comove.

O homem é capaz de todos os heroísmos;

A mulher de todos os martírios.

O heroísmo enobrece; os martírios sublimam.

O homem é o código; a mulher o evangelho.

O código corrige; o evangelho aperfeiçoa.

O homem é o templo; a mulher, um sacrário.

Ante o templo, nos descobrimos;

Ante o sacrário ajoelhamo-nos.

O homem pensa; a mulher sonha.

Pensar é ter cérebro;

Sonhar é ter na fronte uma auréola.

O homem é um oceano; a mulher um lago.

O oceano tem a pérola que embeleza;

O lago tem a poesia que deslumbra.

O homem é a águia que voa; a mulher o rouxinol que canta.

Voar é dominar o espaço; cantar é conquistar a alma.

O homem tem um fanal; a consciência;

A mulher tem uma estrela : a esperança.

O fanal guia, a esperança salva.

Enfim ...

O homem está colocado onde termina a terra;

A mulher onde começa o céu ...



By Victor Hugo

NAO SEI - CORA CORALINA




Não sei se a vida é curta
ou longa demais para nós.

Mas sei que nada do que vivemos
tem sentido,
Se não tocarmos o coração das pessoas.

Muitas vezes basta ser:

Colo que acolhe,

Braço que envolve,

Palavra que conforta,

Silêncio que respeita,

Alegria que contagia,

Lágrima que corre,

Olhar que acaricia,

Desejo que sacia,

Amor que promove.

E isso não é coisa de outro mundo.
É o que dá sentido à vida.

É o que faz com que ela não seja nem curta, nem longa demais.

Mas que seja intensa,
verdadeira e pura
Enquanto durar.

“Feliz aquele que transfere o que sabe ...

... e aprende o que ensina.”

segunda-feira, 7 de janeiro de 2008

EU TE AMAR