segunda-feira, 24 de dezembro de 2007

PRA COM COM CARINHO

POEMA DE NATAL






Poema de Natal

Vinicius de Moraes


Para isso fomos feitos:
Para lembrar e ser lembrados
Para chorar e fazer chorar
Para enterrar os nossos mortos —
Por isso temos braços longos para os adeuses
Mãos para colher o que foi dado
Dedos para cavar a terra.
Assim será nossa vida:
Uma tarde sempre a esquecer
Uma estrela a se apagar na treva
Um caminho entre dois túmulos —
Por isso precisamos velar
Falar baixo, pisar leve, ver
A noite dormir em silêncio.
Não há muito o que dizer:
Uma canção sobre um berço
Um verso, talvez de amor
Uma prece por quem se vai —
Mas que essa hora não esqueça
E por ela os nossos corações
Se deixem, graves e simples.
Pois para isso fomos feitos:
Para a esperança no milagre
Para a participação da poesia
Para ver a face da morte —
De repente nunca mais esperaremos...
Hoje a noite é jovem; da morte, apenas
Nascemos, imensamente.

PRA VOCE

FELIZ NATAL A TODOS

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

NEVE EM MONTREAL




MONTREAL


recebi de uma amiga essa imagem de MONTREAL tirada hoje dia 17/dez/2007

O AMOR


Não quero perder a poesia, justificado pelo tempo... Ela pode mudar rimas e versos... Mas tem o seu lugar... A poesia do tanto querer, do gostar... De apenas se confirmar um amor... Ele fica mais maduro com o tempo... Nasce pleno a cada manhã... Com reflexos dourados de carinho... Porque esse tempo permite que se conheça melhor o outro... Aprimora os sentimentos... Aguça os toques... Conhece a geografia do corpo... Percorre estradas, montes... Mas, se enfeita sempre de maneira diferente... Olhos sorrindo... Não quero deixar de falar baixinho... Palavras entendidas... Incompreensíveis... Sentidas... Expressões de amor... De gritar o prazer... De assim ser: sua! Uma linha pode ser poética, porque se teve a intenção ... Ela advém do sentimento... Do momento... Do coração... Não se pode perder a poesia do amor... Porque o próprio amor é um lindo poema... Versos da aceitação... Versos dos toques, Versos ilimitados do tempo... De duas vidas se faz uma única... Vida plena... Vida de lutas, Na poesia do tempo... Num bailar do poema escrito pelo coração:
O AMOR!

quinta-feira, 13 de dezembro de 2007

TUDO É RELATIVO



Fim de tarde, um ginecologista aguarda
sua última paciente que não chega.
Depois de 45 minutos, ele supõe
que não virá mais e resolve
tomar um gin tônica
para relaxar antes de voltar para casa.

Ele se instala confortavelmente
numa poltrona e começa a ler o
jornal quando toca a campainha.
É a paciente que chega toda
sem graça e pede desculpas pelo atraso.- Não tem importância,
imagine - responde o médico.

- Olhe, eu estava tomando
um gin tônica enquanto a esperava.
Quer um também para relaxar?
- Aceito com prazer - responde
a paciente aliviada.Ele lhe serve um copo,
senta-se na sua frente
e começam a bater papo.
De repente ouve-se
um barulho de chave na porta do consultório.
O médico tem um sobressalto,
levanta-se bruscamente e diz:
- Minha mulher! Rápido,
tire a roupa e abra as pernas!

terça-feira, 11 de dezembro de 2007

guilherme e santiago - loucuras de amor




loucuras de amor

Como esquecer tanto amor by Rick e Renner




lindo

VIDA.......

A vida é tão simples de ser, estar e viver...
Quem a complica sou eu...
é você Nossas escolhas, nós bem a fazemos...
Nossas vitórias, nós as buscamos,
Nossas derrotas, nós as permitimos...
Nossos amores, nós os conquistamos
E as perdas, nós facilitamos...
Porém, com elas nos fortalecemos.
A força interior está em nós.
Só a perdemos, quando fraquejamos...
O amor é o sentido de tudo ao nosso redor...
Em nossa caminhada, nunca estamos sós!
Não coloca no outro, a culpa das tuas falhas!
Segue em frente.
Luta, chora, reconquista,
E vencerás a batalha!
A batalha da vida, desencadeada por nós.
Lembra-te sempre: quem AMA respeita.
E assim sempre te sentirás feliz!

sexta-feira, 7 de dezembro de 2007

Os versos que te dou


Os versos que te dou Ouve estes versos que te dou, eu os fiz hoje que sinto o coração contente enquanto teu amor for meu somente, eu farei versos...e serei feliz... E hei de faze-los pela vida afora, versos de sonho e de amor, e hei depois relembrar o passado de nós dois... esse passado que começa agora... Estes versos repletos de ternura são versos meus, mas que são teus, também... Sozinha, hás de escuta-los sem ninguém que possa perturbar vossa ventura... Quando o tempo branquear os teus cabelos hás de um dia mais tarde, revive-los nas lembranças que a vida não desfez... E ao lê-los...com saudade em tua dor... hás de rever, chorando, o nosso amor, hás de lembrar, também, de quem os fez... Se nesse tempo eu já tiver partido e outros versos quiseres, teu pedido deixa ao lado da cruz para onde eu vou... Quando lá novamente, então tu fores, pode colher do chão todas as flores, pois são os versos de amor que ainda te dou. (Poema de JG de Araújo Jorge do livro "Meu Céu Interior" – 1934)

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

SENSUAL



Sensual


Há diferença entre o vulgar e o sensual
O vulgar trata friamente dos assuntos que o sensual mostra com romantismo,
com amor e com paixão.
Sou romântica sim,
Sensual sim,
Apaixonada sim,
vulgar, jamais!
Acredito no namorado que traz flores,
jantar à luz de velas,
dançar de rosto coladinho...
Ouça a música que toca!
Pode perceber?
É o amor, que fala através dela
É isso que trago na minha alma...
Desculpe se te ofendo quando falo de amor...
Desculpe se as imagens são sugestivas...
O amor é sugestivo mesmo, e não fui eu que inventei o amor, juro que não!!!
Perdão se te ofendo porque amo!
Perdão, mas acho que vou continuar ofendendo...
Não sei ser de outro modo.
Não sei...

NAMORAR........







Nunca poderia eu imaginar
Que aqui a navegar
Pudesse um dia
Aqui...minha alma gemea encontrar
Foram tantas minhas buscas
E eu pensando que viveria a sonhar
O meu amor amado
Eu não iria encontrar
Em uma noite numa salinha
Com você pus-me a brincar
Sentindo ja ha muito te conhecer
Sentindo ja de em minha vida vc estar
Aos poucos fui te conhecendo
E quando me deu conta ja estava a te amar
Meu anjo...meu grao de amor
Um amor eterno comecei a viver e sonhar
Você é a saudade do que julgava não existir
Você é o meu sonho de amor a se realizar
E por toda minha vida
Meu anjo eu vou te amar


sábado, 1 de dezembro de 2007

only reminds me of you




linda

minhas musicas e videos




o que mais gosto

sexta-feira, 30 de novembro de 2007

EU NÃO TE AMO

EU NÃO TE AMO
© Letícia Thompson


Eu não te amo
Insisto em me dizer
E tento me convencer
Que essas palavras
Terão o poder de apagar você.

Eu não te amo
Me diz você
E fico me perguntando
A quem quer convencer.
Se a mim, a você
Se nós dois.

Ei ! você.....

Ei! Sorria... Mas não se esconda atrás desse sorriso...
Mostre aquilo que você é, sem medo.Existem pessoas que sonham com o seu sorriso, assim como eu.Viva! Tente! A vida não passa de uma tentativa.Ei! Ame acima de tudo, ame a tudo e a todos.Não feche os olhos para a sujeira do mundo, não ignore a fome!Esqueça a bomba, mas antes, faça algo para combatê-la, mesmo que se sinta incapaz.Procure o que há de bom em tudo e em todos.Não faça dos defeitos uma distancia, e sim, uma aproximação.Aceite! A vida, as pessoas, faça delas a sua razão de viver.Entenda! Entenda as pessoas que pensam diferente de você, não as reprove.Ei! Olhe... Olhe a sua volta, quantos amigos...Você já tornou alguém feliz hoje?Ou fez alguém sofrer com o seu egoísmo?Ei! Não corra. Para que tanta pressa? Corra apenas para dentro de você.Sonhe! Mas não prejudique ninguém e não transforme seu sonho em fuga.Acredite! Espere! Sempre haverá uma saída, sempre brilhará uma estrela.Chore! Lute! Faça aquilo que gosta, sinta o que há dentro de você.Ei! Ouça... Escute o que as outras pessoas têm a dizer, é importante.Suba... faça dos obstáculos degraus para aquilo que você acha supremo,Mas não esqueça daqueles que não conseguem subir a escada da vida.Ei! Descubra! Descubra aquilo que há de bom dentro de você.Procure acima de tudo ser gente, eu também vou tentar.Ei! Você... não vá embora.Eu preciso dizer-lhe que... te adoro, simplesmente porque você existe.

quarta-feira, 28 de novembro de 2007

UM CARINHO


PRA VC COM CARINHO !!!

ANOITECER





A luz desmaia num fulgor d’aurora,


Diz-nos adeus religiosamente…


E eu que não creio em nada, sou mais crente


Do que em menina,


um dia, o fui…


outrora…
Não sei o que em mim ri,


o que em mim chora,


Tenho bênçãos de amor pra toda a gente!


E a minha alma, sombria e penitente


Soluça no infinito desta hora!
Horas tristes que vão ao meu rosário…


Ó minha cruz de tão pesado lenho!


Ó meu áspero e intérmino Calvário!
E a esta hora tudo em mim revive:


Saudades de saudades que não tenho…


Sonhos que são os sonhos dos que eu tive…





Florbela Espanca - A mensageira das violetas

segunda-feira, 26 de novembro de 2007

OUVIR ESTRELAS



Ouvir Estrelas

Ora ( direis ) ouvir estrelas!

Certo, perdeste o senso!

E eu vos direi, no entanto

Que, para ouví-las,muitas vezes desperto

E abro as janelas, pálido de espanto

E conversamos toda a noite,

enquanto a Via-Láctea,

como um pálio aberto,Cintila.

E, ao vir do sol, saudoso e em pranto

Inda as procuro pelo céu deserto.

Direis agora: "Tresloucado amigo!

Que conversas com elas?

Que sentido tem o que dizem,quando estão contigo?

"E eu vos direi:"Amai para entendê-las!

Pois só quem ama pode ter ouvido

Capaz de ouvir e e de entender estrelas

(Olavo Bilac)


sábado, 24 de novembro de 2007

BEIJO GOSTOSO


AMAR INTENSAMENTE


AMAR INTENSAMENTE


Quem comigo anda a dormir,

só eu sei e não vou dizer

Porque ela me pode fugir,

e sou eu que fico a perder

É um segredo que não vai sair,

do nosso leito de bom viver

Meu amor comigo quer ir,

às nossas noites de bem querer
É uma mulher de tanto amor,


que meus sentimentos se perdem nela,

amamo-nos com tanto calor,

que grande mulher aquela

Damos beijos de tanto sabor,

que um deles é de canela,

e nossos corpos amam sem dor,

como eu gosto do amar dela
Tanto amor leva-nos à loucura,


por causa desta paixão,

A ela tenho tanta ternura,

que nem sofro de solidão

De manhã pela frescura,

trocamos olhares de emoção

Para mim não há mulher mais pura,

que a que está no meu coração



fernando ramos.

sexta-feira, 23 de novembro de 2007

DESÍGNOS



Alguém pode me dizer

se estava prevista na

palma da minha mão

esta paixão inesperada

se já estava escrita e

demarcada

na linha da minha vida

se fazia já parte da

estrada

e tinha que ser vivida
ou foi um desgoverno


repentino

que surpreendeu os

deuses,

todos os que desenham nosso

destino

ou foi um desatino,

uma loucura

uma imprevisível

subversão

que só a partir de agora

eu trago marcada

na palma da minha mão.
(Bruna Lombardi)

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

O TEMPO


A vida é o dever que nós trouxemos para fazer em casa.
Quando se vê, já são seis horas!
Quando de vê, já é sexta-feira!
Quando se vê, já é natal...
Quando se vê, já terminou o ano..
Quando se vê perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado...
Se me fosse dado um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando pelo caminho a casca dourada e inútil das horas... Seguraria o amor que está a minha frente e diria que eu o amo...
E tem mais: não deixe de fazer algo de que gosta devido à falta de tempo.
Não deixe de ter pessoas ao seu lado por puro medo de ser feliz.
A única falta que terá será a desse tempo que, infelizmente, nunca mais voltará.

quarta-feira, 21 de novembro de 2007

AMAR É


Um homem e uma mulher estavam
casados por mais de 60 anos. Eles tinham compartilhado
tudo um com o outro. Eles tinham conversado sobre tudo. Eles não tinham segredo entre eles
afora uma caixa de sapato que a mulher guardava em
cima de um armário e tinha avisado ao marido que nunca
abrisse aquela caixa e nem perguntasse o que havia nela. Assim por todos aqueles anos
ele nunca nem pensou sobre o que estaria naquela caixa
de sapato. Mas um dia a velhinha ficou muito doente e
o médico falou que ela nao sobreviveria. Visto isso o velhinho tirou a caixa
de cima do armário e a levou pra perto da mulher. Ela concordou que era a hora
dele saber o que havia naquela caixa. Quando ele abriu a tal caixa,
viu 2 bonecas de crochê e um pacote de dinheiro
que totalizava 95 mil dólares. Ele perguntou a ela o que aquilo
significava, ela explicou "quando
nós nos casamos minha avó me disse que o segredo de um casamento feliz é nunca argumentar/ brigar por nada.
E se alguma vez eu estivesse com raiva de você que
eu ficasse quieta e fizesse uma boneca de crochê. O velhinho ficou tão emocionado
que teve que conter as lágrimas enquanto pensava
"Somente 2 bonecas preciosas estavam na caixa.
Ela ficou com raiva de mim somente 2 vezes por todos esses anos de vida e amor." "Querida" ele falou, você me explicou sobre as bonecas mas e esse dinheiro todo de onde veio?
Ah, ela disse:

"Esse é o dinheiro que eu fiz com a venda das bonecas."


terça-feira, 20 de novembro de 2007

ESTAR EM SUA VIDA




Quero estar na sua vida


Mas nem amigo, nem amante


Nem tão perto, nem distante


Quero na sua vida ser somente importante


Não interessa por qual porta eu entre


Quero entrar na sua vida docemente


Me instalar delicadamente


Quero estar na sua vida


Esteja ela alegre ou conflitante


Tranqüila ou angustiante


Quero ficar na sua vida por um longo tempo


Estar presente em todo momento


Quero te guiar sempre que você achar


Que está difícil de enxergar


E toda vez que as lágrimas quiserem brotar


E que você não conseguir secar


Quero estar na sua vida de um jeito diferente


Nem de costas e nem de frente


Caminhando lado a lado


Num silêncio acomodado


Aberto para ser pra você


Seu sol e seu entardecer


Sua noite e seu amanhecer


Quero estar na sua vida, discreta.


Mas sempre com a porta aberta


Sempre pronto pra lhe receber


Faça chuva ou faça sol dentro de você


Quero ser na sua vida, eterno


Mas nunca lhe prender, nem lhe pertencer


Nem lhe escravizar, nem lhe fazer sofrer


Quero estar na sua vida daquela maneira


Que sonhamos ser possível a vida inteira


Sem cobranças, sem vinganças


Sem grandes metas


Viajando apenas numa reta


Somente presente... eternamente!


Autor: Antonio e Soraya

A tua falta




Quando o sol nasce,


Luz cristalina,


A derramar seu calor,


Como um colar de perolas cristalinas,


Brilhando,


Pulsando,


Era ma minha pele,


Macia a ser acariciada,


Nas tuas mãos,


Sinto,


transpiro,


Meu coração a pulsar,


Querendo alcançar,


O centro desta chama,


Que queima em meus olhos,


Encandeia minha alma,


Na textura da tua pele,


Na loucura a que isso se refere,


Quero abrir-me,


Sentir o sol a banhar,


Meu corpo nu,


Derreter o frio,


Fino gelo que cobre,


Aplaca em meus olhos,


A solidão me é um remédio amargo,


A correr como um véu,


No meu coração destroçado,


Queria juntar os pedaços,


Te ter outra vez ao meu lado,


Cheio de vida,


A trazer,


a pulsar


No castanho de teus olhos,


Meus sonhos congelados,


Em teu peito descansar,


A tua falta




segunda-feira, 19 de novembro de 2007

SEU SORRISO



Num mundo cada vez mais desigual

Anjos e demônios vivem em guerra

E na luta do bem contra o mal

Vivemos o inferno na terra

Quando você decidiu ser feliz?

Ontem?

Hoje?

Ou amanhã?

Não importa o quanto ou quando você o quis

Só importa que tudo vem de novo a cada manhã

O nascer do Sol

O cantar dos pássaros

O assoviar do vento

Assim como o brilho, o som e o frescor

Tudo isso vem junto em seu sorriso

E ai penso eu quando a vejo

Será que estou no paraíso?

Ah, é sempre meu desejo

Te ver com ele no rosto

E mesmo que escondido

Declaro com muito gosto

Foi benção ter te conhecido!






SORRISO



Sorriso
Elogiam o meu
sorriso.
Se soubessem...
Se apalpassem-no...
Se enxergassem seu pano de fundo...
Se mergulhassem em minha alma profundo
E sentissem-lhe os cortes abertos,
Choro e espanto seriam-lhe certos.
Mas sorrio porque ainda eu sinto
Que lá em cima - ao meu lado - eu minto;
Alguém há muito mais tempo que eu
Já chorou e por mim já sofreu.

TE QUERO


Te quero

Te quero meu, só meu...

Como o vento que invade cada recanto.

Como o amor que invade os corações.

Como cada pensamento que nos permite sonhar.

Te quero meu, só meu...

No aconchego do meu peito.

No amparo do meu colo.

No calor do meu corpo.

Te quero meu, só meu...

Completo e perfeito como o desejo dos amantes.

Puro como o sorriso de uma criança.

Intenso como o meu amor por você.

Te quero meu, só meu...

Enquanto o mundo existir.

Enquanto a terra girar.

Enquanto eu respirar.

Te quero meu, só meu...

Em cada sonho realizado.

Em cada desejo satisfeito.

Em cada ato consumado.

Te quero meu, só meu...

Em cada abraço trocado.

Em cada sorriso dado.

Em cada beijo roubado.

Te quero meu, só meu...

Ontem, hoje, amanhã e sempre.

Te quero meu, só meu!

BEM VINDO AO MEU CANTINHO






"Sábio é o ser humano que tem coragem de ir diante do espelho da sua alma para reconhecer seus erros e fracassos e utilizá-los para plantar as mais belas sementes no terreno de sua inteligência".